Ai Amor Vai Mete Com Força

Ai Amor Vai Mete Com Força

Ai Amor Vai Mete Com Força

O local que ela iria estava fechado para o almoço e ela ficou na frente esperando, eu esqueci do ônibus e fiquei ali.

Nunca havia visto aquela cara tão obstinada. Desde adolescente sempre tive o fetiche de ver uma namorada minha dar para outro homem na minha frente, mas nunca encontrei uma mulher que quisesse realizar, todas achavam bizarro e obsceno, até que mais tarde me casei e propus a ideia a minha esposa.

Quando saiu todo mundo fui até o quarto dele ainda de camisola e perguntei se poderia deitar ao seu lado, e imediatamente concordou. Como gostamos de fumar maconha, deixei 2 baseados fechadinhos e pronto para o consumo, foi quando? Surpresa, minha mulher chegou do serviço acompanhada da irmã dela, os três ficaram espantados, sem reação, até que a Nicoli falou. Então segui metendo com força na bucetinha encharcada da minha veterana. Filho do vizinho: – Mas teria que ser na parte da manhã, pois a tarde será a festa na casa dele. A primeira doeu muito, a segunda um pouco menos a terceira menos e a partir da quarta eu já senti que estava gozando sem ter qualquer contato com o seu pinto, gozava das palmadas que recebia. Minha mãe concordou, falou que era só esperarmos que as meninas fossem dormir e, trocássemos de quarto.

Chegando ao quarto tirei-lhe as roupas e comecei a beijar aquele belo corpo,cada parte, cada centímetro daquele corpo.

Acredito que ele nunca tinha visto um vídeo gay e aquela era a chance que eu tinha.

Vai se masturbar um pouquinho, adoro ver isso, e vai pedir para eu ajudar a te encaixar. – Adriano, vem aqui deitar comigo, vem.

Ela trincava os dentes, deitada de lado, com os dois entrando e saindo de dentro dela.

E ele bombou, firme mas delicadamente, com ela de frango assado, gemendo sem parar. Devia ser do mesmo tipo que Tiago usara em mim, uma mistura de lubrificante e anestésico.

"Mantendo-a onde estava, ele apenas se ergueu e enfiou o pauzão na xotinha dela, que se contraiu toda.