Amor Ele Me Fodeu De Quatro Em Nossa Cama

7 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

visualizações

7 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Amor Ele Me Fodeu De Quatro Em Nossa Cama

Amor Ele Me Fodeu De Quatro Em Nossa Cama

Mas quando cheguei em casa, eu vi uma cena que já mais queria ver, no sofá da sala eu já vi a saia e a blusa da minha irmã, entrando pelo corredor, encontrei a sua calcinha, na porta do quarto encontrei o seu sutiã a minha irmã estava de quatro em cima da cama, com o pau do meu marido socado no seu cuzinho, me aproximei e fiquei olhando, ele fodendo o cuzinho da minha irmã, quando o meu marido me viu, ele falou oi amor tira a roupa e venha se divertir, minha irmã estava gemendo e rebolando no pau do meu marido, ela olhou pra mim e falou, vem cá maninha deixa eu chupar a sua bucetinha, vem que eu vou fazer você gozar na minha boca.

Três tiros!"O ocorrido aconteceu quando eu tinha 25 anos e namorava uma menina da mesma idade(na verdade 3 meses mais velha),estávamos namorando sério a 3 anos e nosso relacionamento estava indo muito bem, nossa vida sexual éra intensa e nos completávamos…Camila minha namorada era uma bela mulher, tinha 1,65 de altura,52kg,cabelos encaracolados, ele branquinha, uma bunda que chamava a atenção e um belo par de seios siliconados 350ml adquiridos a 1 ano a meu pedido, era uma menina experiente, pois já tinha tido 2 namoros longos e aproveitou bem a época da faculdade, era mais experiente do que eu até, pois até aquele momento ela tinha sido minha primeira namorada séria!!Desde o início do nosso relacionamento, por incrível que pareça, a gente nunca foi em uma balada, já tinha se passado 3 anos, e isso sempre virava assuntou sempre dizia que a gente devia ir e fingir que não se conhecia pra eu conquistar ela, e que deveríamos ficar muito durante a noite, de dar inveja as pessoas ao redor…Ela gostava da ideia, imaginava como gostaria de ir vestida, e depois de conversarmos algumas vezes sobre assunto agente combinou de ir na próxima sexta feira, pedi que ela fosse bem decotada pois estaria com ela e não deixaria ninguém tentar nenhuma gracinha…. Ele queria que eu gozasse, e isso aconteceu no momento que ele enfiou o dedo no meu cuzinho enquanto lambia minha bocetinha…… Ele se levantou e me beijou com vontade, eu mordi a orelha dele e disse que era minha vez, me abaixei um pouco encostando na parede e fiz um charme, dando umas lambidinhas de leve na cabecinha, ele gemia, abocanhei aquela piroca com gosto, chupei e suguei aquele mastro com tanta força que ele não conseguia segurar os gemidos, agarrou meu cabelo e fodeu minha boquinha, ele me levantou e falou que queria gozar no meu cuzinho, me virou pra parede, encaixou e começou a foder minha boceta, socava com força e rápido, eu gemia sem noção da altura, estava subindo pela parede de tanto tesão, ele segurava meus braços acima da minha cabeça e eu rebolava num movimento enlouquecido, enquanto ele gemia no meu ouvido… Ele pediu pra eu empinar o bumbum e devagarzinho introduziu a piroca no meu cuzinho… Doeu um pouquinho mas logo passou, ele deus algumas estocadas e eu senti ele tremer, enfiou tdo dentro de mim, me abraçou e eu senti que ele gozava… Aquele pau duro latejando na minha bundinha foi a maior loucura, ele tirou com calma, eu peguei uma blusinha que estava na mochila pra limpar a o gozo que já escorria pelas minhas coxas….