Loira Brasileira Pagando Boquete Pro Namorado

4 min

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

4 min

Categoria:

Tag: , , ,

Loira Brasileira Pagando Boquete Pro Namorado

Loira Brasileira Pagando Boquete Pro Namorado

Comecei a descer com os meus beijos. Bom voltamos para o Rio e continuamos a nos falarmos com o pessoal de lá minha esposa em especial fez uma grande amizade com a Fabiana, amizade está que dura até hoje, Bem a fabiana depois que voltamos falou que era doida para conhecer o Rio De Janeiro, que nunca tinha vindo e gostaría de vir, de imediato minha esposa a convidou ela e o Se namorado, pois moramos em apartamento grande perto da praia e ela poderia vir quando quisesse. Era de descendência brasileira, pele morena (café com leite), bonita, cabelo encaracolada e negro, elegante, com uma bunda saídinha e curvilínea tanto para fora como nos lados, pernas compridas mas grossas que estreitavam desde as coxas bem compostas até aos tornozelos delicados. "A respiração dele estava leve e eu podia ouvir os batimentos ritmados do seu coração porque eu estava deitada no peito do amor da minha vida, okay.

Voltou dizendo que o cara perguntou se eu não queria vê-lo pagando um boquete pra ele.

Depois eu vo relata a vez que fudi minha irma mais velha pessoal quem tive grupo de incesto ou porno de zuera mesmo e pode me add ai posto as fotos no grupo deixa o numero pra mim entra em contatoOlhei para trás, nao acreditei, era ela, aquela loira gostosa que me fitou com os olhos no posto 9. Adorava a irmã, e por serem parceiros de cama, não achava necessário arrumar uma namorada. Ele sempre jeito, disse não foi algo intencional, ele automaticamente olha para a bunda de todos os caras.

– E você tem certeza de que não quer me chupar agora?– Tio, acabei de dizer que tenho essa vontade toda vez que estamos juntos… claro que quero! Abaixa logo essa calça e me mostra ele…Ele não apenas abaixou a calça, tirou foi a roupa toda, sentou-se e ela então se deliciou com um belo boquete no pauzão dele. As vezes parava ali por aquela sala e ficava ouvindo ele tocar.