Ninfeta Gatinha Caiu Na Net Gostosa Magrinha Adora Uma Pica Durinha Em Sua Ppk Gostosa Para Amigo Bem Gostoso No Rio De Janeiro

33 seg

Categoria:

Tag: , , , , , ,

visualizações

33 seg

Categoria:

Tag: , , , , , ,

Ninfeta Gatinha Caiu Na Net Gostosa Magrinha Adora Uma Pica Durinha Em Sua Ppk Gostosa Para Amigo Bem Gostoso No Rio De Janeiro

Ninfeta Gatinha Caiu Na Net Gostosa Magrinha Adora Uma Pica Durinha Em Sua Ppk Gostosa Para Amigo Bem Gostoso No Rio De Janeiro

Casados a 5 anos e cada vez mais unidos no amor e principalmente no sexo, tem peitinhos grande e rabão gostoso. Quando ela olhou pela brecha viu o padre batendo uma punheta a rola durinha, ela ficou admirando. Tudo começo quando agente foi passear em uma pracinha que tinha perto da minha vo quando vimos dois cachorros transando na época tínhamos 11 anos e não sabíamos o que era aquilo de pois fomos em bora eu lembrando da cena fomos brinca e perguntei se ela queria brinca de cachorrinho ela lógico aceito e logo fiquei em cima dela pra fazer igual ela disse mais vamos fazer igual o da pracinha tira a roupa ele tava colocando o negócio no outro e vc tem um parecido primo eu fui e subi nela e coloquei logo meu pinto na bunda dela ela disse que gostoso brinca disso ela viu meu pinto duro e disse vai primo eu fui e comecei a esfrega nela ela rebolava e tava bom e não gozava ainda mais mesmo assim fui ótimo lambi o rabinho dela aquela bunda pretinha pois ela é mulata bem gostosa e lambi sua buceta igual cachorro ela gemia e fico molhadinha em fim nossa vo nos chamos e tive que para mais teve mais nos próximos conto o que foi acontecendo durante esses anos""Ana Paula e Daniel se conheceram no colégio, começaram a ficar, de ficada em ficada, resolveram namorar sério, terminaram o colegial, entraram na faculdade. Ela pressentiu que, como todo corno último a saber, Gil não queria acreditar que ela adorara ser enrabada por Ruddi. Ela levantou e eu tirei , e vi aquele peitinho lindo , num tamanho perfeito que dava pra balançar mas ainda era pequeno , e com aquele biquinho ainda se formando , peguei aquele peito por debaixo e passei a lingua em volta dakele biko e ela toda arrepiada segurava no meu cabelo"È eu olhava , mas ela era irmao do meu amigo , e eu via ela no final do dia como irmã do meu amigo ,aquele sentimento , ah ela é irmao do meu amigo , vacilo se eu pegar ela"E começa a me chuparFomos nos comendo assim… dia após dia.

Se você quiser passar lá pra gente conversar eu vou estar te esperando!– Não perderia essa chance por nada! As 18 estarei la!Voltei para casa com minha familia e como combinado, eles iriam ao cinema as 17 então quando eles saíram, eu coloquei a langerie vermelha, um short curtinho e uma regatinha leve, mas que dava para ver o sutiã. Trabalhava no centro do ria de janeiro e sempre via os cines pornô com uma vontade grande de conhecer, mas tinha receio que alguém visse e tal.

Não transara, mas passara o final de semana fantasiando isso…Já para o casal Amanda e Marcos, que ao contrário de Patrícia já possuiam ambos uma experiência na cama bastante grande, com vários parceiros e parceiras, encontraram naquela ninfeta um novo desafio à sua sexualidade. Eu comecei o serviço limpei algumas mesas depois chegou karla a filha dele ela tinha uns 18 anos morena com uns peitinhos do tamanho de um limãozinho uma bundinha não muito grande magrinha ela disse que o pai dela tinha mandado ela me ajudar eu sorri e disse tudo bem ela perguntou por onde começava eu mandei ela pegar a mangueira e ir lavando o frízer ela acabou se molhando e escorregando np chão eu fui ajudar e minha mao encostou no peitinho dela eu ajudei ela a levantar segurando ela pelas costas e sua bundinha encostou no meu pal que endureceu na hora ela me olhou eu chamei ela na cozinha e abaixei minhas calças ela ficou assustada mas ai eu peguei a mão dela e coloquei no meu pal e fiquei me masturbando com a mao dela depois virei ela de costas ela deixando tudo levantei a sainha dela puxei a calcinha de lado e encostei meu pal na sua bocetinha ela tentou se sair mais ai eu abracei ela com um braço ela disse que ia gritar eu falei que ia mais iria ser de prazer com a outra mao fui guiando meu pal ate a entrada de sua bocetinha coloquei ela sobre a mesa da cozinha e fui botando meu pal devagarzinho quando passei a cabeça ela deu uma gemidinha ai eu fui forçando e ela gemendo mais alto quando coloquei toda virei ela ela estava chorando ai eu nao aguentei acho que sou sadomasoquista comecei a meter rapido e forte ela gemendo e chorando eu via aquela cena e me dava vontade de empurrar mais eu tava metendo ate o ovo quando olhei pro meu pal entrando e saindo da bucetinha melada de sangue foi quando me dei conta da loucura que tinha feito eu tava descabaçando minha prima quer dizer ja tinha descabaçado aquela altura ela ja estava começando a gostar quando eu tava gozando atirando jatos de porra dentro dela que eu tirei meu pal melado de sangue ela pediu por mais ai eu olhei pra ela e disse que agora so da próxima ce que eu voltar me limpei e chamei ela pra terminarmos de lavar o bar mas de vez em quando ela vinha e dava uma chupadinha quando terminamos fechei o bar meu tio chegou. Vc com um sorriso muito sacana e safadinho respondeu: vou fazer sua vontade negão, porque vc tem sido muito desejado por esta esposa safadinha que tá toda liberada para todas as sacanagens que vc diz que quer fazer comigo, e quero que vc me pegue muito doido como vc dizia que ficava com minhas fotos destampadinhas, To com muita vontade de sentir vc arrombando minha gostosa e quem sabe meu secretinho que vc é tarado por ele.