Novinha Rabuda Jeans Onibus

46 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

46 seg

Categoria:

Tag:

Novinha Rabuda Jeans Onibus

Novinha Rabuda Jeans Onibus

Ele estava gostando e eu estava amando tudo aquilo. aí me virei de ladinho e ele bateu uma siririca pra mim. Foi dar outra uma volta e abaixou novamente para ver um buraco, estava muito escuro, então botou a mão e recebeu um carinho de reconhecimento da outra mão e logo tinha um peito grande na mão, acariciou com delicadeza e circundou o bico que foi endurecendo.

Fui iniciada no sexo por meu próprio pai, o Dr Delço, um advogado muito respeitado e severo mas que na verdade é um safado comedor de novinhas, nada de pedofilia, meu pai como advogado não é otário, adora uma novinha desde que maior de dezoito anos. Como eu já não era mais “zero quilômetro” e estava relaxado, o ato não me causou tanta dor ou incômodo. O homem que havia a acolhido e que havia lhe transformado em uma pessoa melhor. Pensei que ele estava tendo segundos pensamentos, que iria tentar desistir, mas ele sempre sorrindo e respirando rapidamente falou. E após o jantar ela foi pra o quarto e na hora de dormir. A cozinha estava em polvorosa com várias moças frenéticas preparando quitutes, doces e salgados.

Ia trabalhar de ônibus e passava pelo centro de S. a gente sabe que vc vai voltar putinha rabuda, e me comeram quase que diariamente por uns 40 dias….

Passei por tia Sandrinha que estava em pé na porta, conversando com minha mãe e meu primo, que estavam deitados.

Depois fez ela virar o corpo, e meteu por trás, socando bastante, a ponto de ela gozar de novo!Ai ele sentou e ela ajoelhou perto dele e foi chupar-lhe o pau novamente. Quando viu Martinha, caída dentro do box, deu um grito e Marlene assustada, veio ver o porque do susto dela.

Meu desejo era ficar aqui na sua casinha os três dias, mas não posso.

E o Laerte, sem muita imaginação, vestiu um macacão jeans, sem blusa e disse que era fantasia de mecânico.