Pegando A Casada Por Tras

8 seg

Categoria:

Tag: , , , , ,

visualizações

8 seg

Categoria:

Tag: , , , , ,

Pegando A Casada Por Tras

Pegando A Casada Por Tras

Mas quando estávamos saindo do motel, bem na portaria encontramos com dois amigos da nossa turma, que estavam entrando com as suas namoradas, fizemos de conta que não nos conhecíamos, mas algum deles contou para o meu cunhado, ai aquele dia do churrasco ele chegou perto de mim e me falou, que sabia o que tinha acontecido comigo lá em porto seguro, eu me fiz de desentendida e falei, eu conversei com um colega da faculdade, almoçamos e jantamos juntos, porque o que foi que aconteceu, meu cunhado deu uma risadinha e disse o que aconteceu eu não sei, eu só sei que viram você saindo do motel acompanhada de um amigo, ai eu percebi que eu estava no mato sem saída, então perguntei quem tinha lhe contado, ele me respondeu foi um passarinho, também já não importava quem tinha lhe contado, mas eu fiquei assustada porque apesar de ter sido antes de estar casada, mas eu estava noiva e faltava um semana para o meu casamento e porque o meu marido é muito ciumento, eu não sei qual seria a reação dele se ele descobrisse essa traição, então lhe perguntei mas porque você está dizendo isso agora, ele me respondeu não se preocupe, eu não vou contar nada pro meu irmão porque ele é muito chato, mas tem um preço pra que eu não fale e fica tudo em segredo entre nós dois. Comecei beijando seu pescoço bem leve e passando a mão pelo seu corpo, desci a mão pelas pernas dela e beijando seu pescoço senti que ela arrepiou-se, continuei passando a mão e subindo por dentro da camisola, pegando nos seus peitos. tira o cabaço do meu cu seu negão safado… Me come o rabinho que eu quero essa rola dentro de mim…Arrebitei a bunda, relaxei um pouco e ele posicionou aquela cabeçona na entrada do meu cú, me segurou pela cintura e começou a forçar, para meu espanto, a cabeça entrou sem bloqueio, sem dor… o prazer era indescritível, senti uma tontura louca, senti minhas pregas se abrindo, meu cuzinho tava sendo invadido e quando dei por mim percebi que ele já tinha empurrado quase metade da rola prá dentro da minha bunda… eu gemia de tesão e estava toda arrepiada, ele movimentava levemente aquela tora e me falava no ouvido:– Ta gostando putinha?– hum hum… Pauzudo safado, tá arregaçando meu cuzinho… Fode…– Relaxa que eu quero por tudo. Todos os meus contos são reais e caso não for vou deixar bem claro que é fruto da minha mente insana.