Video Porno Safada Peitudas Comendo A Safada Para Amigo Bem Gostoso Juiz De Fora – Mg

61 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

61 seg

Categoria:

Tag:

Video Porno Safada Peitudas Comendo A Safada Para Amigo Bem Gostoso Juiz De Fora – Mg

Video Porno Safada Peitudas Comendo A Safada Para Amigo Bem Gostoso Juiz De Fora – Mg

Olá vim contar mais uma aventura com a mulher da minha vida, que sempre está disposta a fazer uma dessas loucuras que vou contar , pois bem , somos um casal bem fogoso na cama, adoramos o perigo e um sexo gostoso, eu sou um negro de 1,78 alt, uns 70 kls , com um corpo magro mas defidinho ,tenho um pau que considero médio, tem uns 18 cm , curvado pra cima , bem grosso e com veias saltadas e quanto maior o meu tesão mais duro fica , minha mulher e branca, com cabelos pretos e grandes até as costas , já tivemos um filho mas ela ainda está gostosa com uma bunda firme e gostosa não muito grande mas grande kk, peitos grandes e gostosos com os biquinhos marrons e pequenos, o que vou dizer agora aconteceu durante uma festa que se não me engano foi no natal do ano passado, eu estava com minha mulher ,nosso filho e minha sogra na casa de uns parentes dela numa cidade aqui de são Paulo mais afastada da capital, então tinha alem de casas ,muitas árvores e uma praça que ficava no encontro com mais duas ruas, mas era uma pracinha pequena e com muitas árvores e com uma iluminação bem fraca , então a noite era o lugar perfeito pra namorar , então depois de um tempo já na festa e bebendo um pouco, eu e minha mulher estávamos mais ‘alegres’ que o normal, ela estava com um vestido lindo que iam até acima um pouco do joelho, e tinha um cinto pequeno na cintura que deixava ela com os peitos apetitosos, eu já olhava pra ela com um desejo é tesão no olhar , ela já tinha percebido e ficava me olhando com cara de safada, meu pau já começava a endurecer e o volume ficando bem evidente, fiquei um tmp sentado pra ninguém perceber , minha mulher se aproximou de mim e disfarçadamente pegou no meu pau sobre a calça e disse que queria fuder comigo, nessa hora meu pau quase explodindo na cueca, eu então a agarrei pelo pescote dei um beijo gostoso, molhado, quente, deu pra sentir o corpo dela se esquentando, e sua bucetinha se lubrificando querendo meu pau dentro dela , dps de um tempo nos bjando, ela me convidou pra irmos na rua um pouco , fiquei meio frustrado e chateado por achar que ela tinha ‘tesourado’ nosso bjo gostoso, mas aí quando saímos da casa e fomos indo em direção a praça, percebi a malícia da idéia dela , e automaticamente meu pau foi ficando duro de novo, naquela rua tinha mais uma festinha , só que essa era comemorando um aniversário, e justamente no momento que passamos estavam exibindo em um telão uma homenagem em vídeo para a aniversariante, então não tinha ngm na rua e nem na praça,então chegamos lá e eu me encostei no canto menos iluminado e ela veio se apoiando em mim com os braços em volta do meu pescoço e eu cm as mãos na bunda dela e então começamos a nos bjar , um beijo muito excitante e cheio de tesão, minhas mãos já por baixo do vestido dela apertando as nadegas , enquanto ela viajava de tesão , o prazer e o cheiro de sexo estavam no ar , eu então coloquei a mão por dentro da calcinha dela , que estava totalmente molhadinha, então fui masturbando o grelinho dela , enquanto ela me abraçava forte forçando o corpo contra o meu , então sem ligar pra onde estávamos , abri minha calça, e tirei meu pau pra fora, ela então pegou ele segurou firme e começou uma punhetinha de leve , meu pau estava muito duro , sentia ele pulsar na mão dela , então já louco de tesão ,fui colocando a calcinha dela pro lado e forçando meu pau na entrada da bucetinha totalmente melada , até que entrou a Cabecinha, e foi entrando devagarinho o restante até que todo meu pau preencheu aquela buceta, comecei então a tirar e colocar , no início devagar e fui aumentando o ritmo e a intensidade, metendo forte e fundo enquanto ela me apertava forte seu corpo contra o meu tentando controlar o corpo quase dominado pelo prazer , eu disse no ouvido dela baixinho, que delícia te fuder assim minha putinha, sua xaninha ta toda derretida e isso ta me deixando louco, vou te fazer gozar , ela com os olhos fechados e o corpo tremendo todo enquanto eu ia fudendo sem dó a buceta dela , de vez em quando eu olhava pra rua pra ver se alguém nos observava, não via ngm então voltava a me concentrar na foda , o lubrificante natural dela escorria pelas suas coxas e então enquanto eu bombava na bucetinha, até que ela anunciou que já gozar, pouco tempo dps senti o corpo dela tremer e a buceta se contrair apertando meu pau , continuei fudendo e em seguida enquanto ela ainda estava gozando eu gozei também, foi um orgasmo gostoso e demorado , ficamos abraçados nos apertando enquanto íamos nos recuperando , aos poucos a bucetinha dela foi soltando meu pau , nos bjamos ardente e apaixonadamente, ela foi se ajeitando e eu tbm , nos abraçamos de novo e sorrimos imaginando mais essa loucura que fizemos, espero que tenham gostado esse conto foi real até o próximo pessoal.

Eis que esse amigo começou a namorar… Não sei como aconteceu, pois de uma hora pra outra ele disse estar namorando. Fiquei comendo ela assim e vendo aquele rabão delicioso balançar a cada metida.

Depois disto eu fui pra cima da safada sem pensar duas vezes, não tive medo nenhum de alguém aparecer pois o tesão estava falando mais alto, tirei toda sua roupa sem falar nada e já fui metendo a pica na buceta da safada que estava lisinha pronta para uma transa gostosa.

Ao passar um canal com filme semipornô e estava passando duas mulheres e um homem.

Mas não lembro direito como aconteceu, apenas tenho flashes, acho que ele colocou algo na minha bebida, lembro que fui para o carro, ele me colocou no banco do carona e disse que íamos para o motel para ficarmos mais à vontade, quando o carro andou surgiu outro cara no banco de trás, ele tava escondido, tomei um susto e ao mesmo tempo fiquei morrendo de medo, mal conseguia me mexer, estava dopada, mas muito excitada também, o cara do banco de trás começou a pegar em meu pescoço, bjar minha nuca, pegar em meus peitos, eu estava com um vestido rodado branco, ele foi levantando e falando para eu ficar relaxada que eu ia gostar daquilo…eu sabia que não ia me livrar daquilo então comecei a entrar na brincadeira…peguei no pau do motorista por cima da calça… enquanto o outro já ia me masturbando, coloquei o pau dele para fora e comecei a chupar, depois o cara do fundo me puxou para o fundo, me deitou no banco e começou a chupar minha buceta, comecei a gemer gostoso nessa hora, n lembro bem por quanto tempo, chegamos ao motel…descemos do carro e antes de entrarmos no quarto ali mesmo os dois já começaram a rancar minha roupa com muita brutalidade, bater na minha cara e me chamar de puta…fiquei assustada e quis parar pois estava com medo… um deles puxou meu cabelo com força e me obrigou a ajoelhar para chupar ele e eu obedeci, o outro logo colocou o pau pra fora tbm e chupei um e depois o outro…subimos para o quarto e lá eles me deitaram na cama, eu estava muito grogue ainda e sem forças, não lembro muito bem como começou, mas lembro deles me chupando… um metendo em mim enquanto chupava o outro, ele socava muito forte e eu gritava como uma puta, eles tetaram comer meu cu e eu não deixava, mas estava muito fraca, então eles forçaram e eu comecei a chorar e pedir para parar, pois vc sabe que não gosto de anal, mas um deles me acalmou e colocou o pau em minha boca…então eu resolvi ser a putinha que vc sempre me pediu Mo…relaxei o corpo e me deixei ser comida, lembro que ainda falei “é só isso que vocês tem?”…eles ficaram com mais raiva ainda e socaram mais forte e me deram uns tapas fortes…gozei muito.

Entao contou que combinaram a semana inteira de na sexta feira ele leva-la no motel,durante a semana ele me disse que procurava ele no seu setor de trabalho pois ele ficava la sozinho iam para um canto e se agarravam mutuamente contou que ele esfregava o pau na sua bunda que se dividia em uma calça legg vermelha que ela adorava usar no trabalho,mas ela disse que nao passava disso queria deixa lo bem doido para sexta feiraEm fim chegando no motel ela nao permitiu que ele avançasse o sinal sem antes ficar dizendo um monte de sacanagem e tiao tirar a roupa ficava so de calcinha bem enterrada e salto alto e o top tapando o mimimo dos seiosella me contou que ficou andando observando a cara dele as expressoes que ele fazia ao vela ela me contou que gostava de ver o volume nas calças dele que se formava ela ficava perguntando ele o que ele fazia com ela ate que visse suas calças manchadas daquela gosma que inicia com muito tesaovendo isso me confessou que aproximou ele e o beijou de lingua bem devagar fazendo pressao no seu caralho ainda por cima da calça,,,ficaram assim por cinco minutos ela disse que virou de costas para ele mandou que ele abaixasse as calças e sem tirar a calcinha colocou seu membro no meio fazendo um sanduiche com sua bela bunda,,,ela disse que nesse instante ele gemeu e ela se afastou pedindo calma ela disse que gostava de sacanear mesmo e nisso meu pau ja estava todo mas todo babado ded tesao ouvindo aquela safada da minha esposa.